Sai a lista dos indicados ao Prêmio Maestro Guerra Peixe de cultura

MAESTRO
Os indicados para receber o Prêmio Maestro Guerra-Peixe de Cultura 2013 já estão escolhidos. O que não se sabe ainda é se a entrega vai acontecer ou não em março de 2013, data em que ela acontece desde 2009, uma vez que estamos em pleno processo de mudança de governo.
De qualquer maneira, o prêmio, segundo seu criador e organizador Marco Aurêh, músico, ator e, até 31 de dezembro passado, gerente do Centro de Cultura Raul de Leoni, trata-se de evento importante “pois é um reconhecimento ao trabalho de agentes culturais que vivem e trabalham em Petrópolis”.  O prêmio foi estabelecido em meados de abril de 2009, “Me debrucei sobre a execução da ideia com total empenho e idealizei a essência do projeto, que teve decreto publicado no Diário Oficial em 08 de junho de 2009”, continua Aurêh.
A pedra fundamental do PMGPC foi lançada no dia 08 de junho de 2009, durante a solenidade de resgate do nome original do Theatro D. Pedro. Na ocasião foi ofertada ao Dr. Donato D’Angelo (filho do fundador do teatro) a primeira estatueta do prêmio, na categoria “Notório Reconhecimento”. A partir desta data, o júri iniciou as “apreciações” que se deram no decorrer de todo o segundo semestre daquele ano.
“Os critérios de formação do corpo de jurado foram basicamente dois: sensibilidade e inteligência. Uma relevante atuação no setor cultural, obviamente, também colaborou com a escolha dos nomes”, explica Aurêh. “O nível está muito bom, conseguimos reunir cabeças distintas, sensíveis e cultas, só tenho a agradecer em nome da Fundação de Cultura por eles terem aceitado o convite para participar desse projeto”, continua.
“Além da valorização do agente cultural, que por sua relevante atuação se torna premiado e observa seu trabalho reconhecido, é de se verificar que o PMGPC funciona, não somente como um estímulo (direto e indireto) que provoca uma dinamização do setor cultural, como também se torna um espelho que demonstra a realidade artística em que o município atravessa. Esse diagnóstico se dá na medida em que a premiação aponta, em cada categoria, a maior ou menor presença de ações artístico-culturais, bem como o nível em que cada segmento se encontra. Cabe à comissão organizadora, após a nominação dos indicados, montar um pequeno relatório acerca das considerações colhidas durante o período de apuração”, encerra.
OS INDICADOS EM 2013
Música Popular – Closer to the Rush; Dino Fernandes (atuação 2012); Tribo de Gonzaga (Venha ver o sol); Willian Belle (atuação 2012).
Música Erudita – Anima e Cuore (Temporada 2012); Coral das Meninas dos Canarinhos de Petrópolis (História do Rádio); Coral Municipal de Petrópolis (Encontro Nacional de organistas); Marco Aurélio Lischt (Atuação 2012).
Teatro– Luciane Fortunato (atuação em “Lustrosa, a cantora misteriosa”); Márcia Rocha (figurinos de “A Saga de Jô”); Pessoal Aí (O Trombone e o fuzil); Sylvio Costa Filho (Leitura dramática Manoel de Barros).
Dança – Ballet Cristine Pires (Mostra 2012); Laell Rocha (Volver); Maicon de Souza (Atuação 2012); Ritmos da Rua (atuação 2012).
Artes Visuais – Arte Garagem 8; Ingrid Bortolotti e Pedro Prieto (A náusea); Ivo Ferreira (Luzes do parque); Rodrigo D’Almeida (Ilumini Gaia).
Literatura – Andréa Pachá (A vida não é justa); José Sacchi de Frontin (Maculada Odete); Maria Inez do Espírito Santo (Com gosto de terra natal); Rodrigo Cardoso Soares de Araújo (Pasquins).
Comunicação – Acontece Petrópolis (Portal Web), Jornal Petrópolis em Cena; Panorama (programa Canal 10); TVC (Cobertura cultural 2012).
Audiovisual – AK 47 e BPartes (Making of exposição Da Rua – Mostra Coletiva de Street Arte); Documentário em 3 partes (Canarinhos 70 anos); Marcelo Quintella (Hooji); Ricardo Braun (Cazumbá – sons e imagens da Amazônia).
Produção Cultural – Centro Cultural FASE; Petrópolis Inc; Promove Arte e Eventos; SESI.
Categoria Especial – Bohemia; CDDH (Cine Memória); Palácio Rio Negro; Serenata Imperial (15 anos).
Notório Reconhecimento – Rodrigo Santoro.
Janela para a saudade 2012 – Vídeo em tributo aos agentes culturais que faleceram em 2012 – Dinizar de Araújo; Mauro Carrano; Laurici de Almeida Santos; Ivan Herzog; Marechal Poeta; Maria Emengarda Chaves de Aguiar; Eduardo Brito Cunha (acervo J Carlos); Francisco Quixabá.
FONTE: Assessoria

Comments are closed.

Powered by WordPress | Deadline Theme : An AWESEM design